Imprimir

Capivari recebe Instituto Sonorum para ensino de música para crianças e adolescentes

Capivari recebe Instituto Sonorum para ensino de música para crianças e adolescentesNeste sábado, 01, Capivari recebe a apresentação musical do Instituto Sonorum. Na ocasião, 40 alunos farão a apresentação, com concerto de piano à quatro mãos e apresentação de violino, na Casa da Cultura "Tarsila do Amaral", às 20h. O projeto promove o ensino de música à crianças e adolescentes, entre nove e 15 anos, visando atuar nas áreas social e cultural.

Sonorum em Capivari

Para a implantação do projeto na cidade, a Prefeitura atuará apoiando a instalação do Instituto. A professora de música e presidente, Elizandra Martins, explica que a Administração cederá o local para as aulas, bem como a estrutura necessária - água, telefone, internet. "É um apoio estrutural”, afirma. Ela reforça, ainda, que a iniciativa surgiu para suprir uma área não atendida no município. “Em Capivari, nunca foi realizado um trabalho deste porte. Queremos dar oportunidade à crianças que, provavelmente, não teriam.”

De acordo com o secretário da Cultura, Jehoval F. Dias Júnior, o Instituto chega à Capivari para complementar as iniciativas já desenvolvidas pela Secretaria, possibilitando a formação de novos talentos. O prefeito, Rodrigo Abdala Proença (PPS), comenta a respeito da importância da expansão do conhecimento e do desenvolvimento artístico que será oferecido aos alunos. "Isso refletirá em todas as áreas da criança e do adolescente, gerando oportunidades futuras e crescimento cultural e social em nosso município."

Aulas de Música:

Inicialmente, o projeto atenderá 80 alunos, fornecendo 50 minutos de aula prática do instrumento, uma hora e trinta minutos de coral, por semana, e uma hora e trinta minutos de teoria e percepção musical. As aulas acontecerão na Casa da Cultura "Tarsila do Amaral", em Capivari. O Instituto é uma associação sem fins lucrativos e o intuito é atuar com base em apadrinhamento, ou seja, as empresas e munícipes que desejarem poderão custear o ensino de alguma criança.

 

Fonte: Seu Jornal, 29 de maio de 2013.

 

 

EMPRESAS COM
RESPONSABILIDADE SOCIAL
linha_sep_sfdum-dumemecarrara